Primavera Ruidosa

*Alan Dubner

A semana de 20 a 27 de setembro de 2019 foi e será inesquecível!

 

A Cúpula do Clima e Assembleia Geral da ONU junto com a Greve pelo Clima pautaram a semana da Primavera no Brasil e no mundo.

Ela começou, ruidosamente, na sexta-feira 20 de setembro onde mais de 4 milhões de pessoas em 163 países criaram cerca de 2500 eventos de manifestações de rua. O Brasil que praticamente não apareceu nas greves anteriores (março e maio), estava agora mais consciente do movimento. Mesmo assim, na Av. Paulista em São Paulo, oportunistas de plantão faziam discursos de politicagem de palanque… sem qualquer noção do que era esse movimento pela Emergência Climática. Fora do tempo e do espaço!

 

O movimento é um levante das crianças pela sua própria sobrevivência. A vida reage quando se vê ameaçada das maneiras mais inusitadas para conseguir sobreviver. Está sendo necessário que as crianças liderem esse movimento de tirar a humanidade desse torpor que está nos levando invariavelmente ao fim dessa civilização. Greta Thunberg, que a Vida escolheu para iniciar essa ação, pede para que os cientistas sejam ouvidos. Greta, não por acaso, estava em Nova York na principal semana pelo Clima Mundial levando e elevando sua voz para o mundo todo. São milhares de crianças e jovens que estão liderando em suas comunidades um apelo para que se tome ações já. Denegrir a Greta é denegrir a si mesmo e explicitar que quem o  faz é minoria no poder ou  um “idiota inútil” como diz a Eliane Brum, num contundente artigo sobre a situação.

 

Uma das ações mais relevantes, quase inacreditável, em direção à Emergência Climática foi a união entre veículos de mídia para cobrirem e divulgarem a questão Climática, “Covering Climate Now”. São mais de 300 veículos unidos para essa empreitada. Alcançando em torno de 1 bilhão de pessoas.

 

Enquanto Nova York entrava no Outono e o Brasil na Primavera a Cúpula do Clima foi aberta pela jovem brasileira Paloma Costa Oliveira do Engajamundo e do ISA ao lado de Greta Thunberg. Vale a pena ouvir os dois discursos e não apenas os comentários sobre eles.

 

No dia 24 na Assembleia Geral da ONU nosso presidente fez um discurso histórico onde deixou claro para todos os países a situação em que se encontra o Brasil hoje, e de que não era exagero o que muitos vinham denunciando sobre o atual governo. Além disso conseguiu que o discurso do Presidente dos EUA, que foi em seguida, parecesse razoável.  Entre as “absurdidades” e negações da realidade que foram muitas, a questão indígena foi talvez a mais vergonhosa. Entre ofensas e denegrindo os povos e lideranças indígenas, chegou a ler uma carta que obviamente foi checada pela mídia  e constatou-se sua insignificância.

 

A única coisa “boa” para a Emergência Climática no Brasil é a constatação mundial de que estamos destruindo nossa biodiversidade e incentivando a violência aos povos indígenas e defensores do meio ambiente. Provavelmente a reação contra essa postura virá do próprio agronegócio que terá, a continuar assim, seu negócio dizimado em pouco tempo.

 

Para não dizer que não falei das flores, Nova York foi palco de centenas de painéis maravilhosos que buscam soluções locais com apoio global. Sociedade Civil, Institutos, Universidades, Economia Verde, Juventude, Tecnologia e Direitos Humanos pautaram a semana. Por exemplo, foi maravilhoso ver dois ícones da sustentabilidade mundial juntos num desses painéis: Muhammad Yunus e Marina Silva!

 

Apesar dos pesares a Primavera já não é mais silenciosa, ela está fazendo barulho…  e cada vez mais! Do movimento das crianças (Fridays for Future), da forte união da mídia para cobrir a questão climática, da grave situação de governo explicitada pelo presidente e pelo anti-ministro do meio ambiente e das forças que convergem para um mundo melhor a semana de 20 a 27 de setembro de 2019 é um marco que fará parte da história da Emergência Climática.

 

*Alan Dubner é Diretor do Instituto 5 Elementos – Educação para Sustentabilidade e  consultor nas áreas de  Sistemas de Aprendizagem,  Comunicação Interativa, Educação para Sustentabilidade, Pesquisas Digitais e Customer Experience.




Rua Catão, 1173 – Lapa – São Paulo/SP | CEP:05049-000

55 11 3871-1944

comunicacao@5elementos.org.br

Copyright © 2019 5 Elementos - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio