Prêmio Desafio 2030 para escola

Com o intuito de reconhecer o trabalho desenvolvido por escolas de todo o Ensino Básico para cumprir os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) o Instituto 5 Elementos, apoiou o desenvolvimento da 2ª edição do Prêmio Desafio 2030, em parceria com a Reconectta, com a Virada Sustentável de São Paulo e Akatu participando da avaliação dos projetos das escolas.  As escolas vencedoras foram premiadas na cerimônia de abertura da Virada Sustentável que aconteceu no dia 23/08 no UNIBES Cultural.

Em apenas duas edições, o Desafio 2030 já demonstra excelentes resultados, principalmente ao dobrar o número de escolas participantes – ano passado foram 27 e, este ano, 58. A soma de 42,8 mil alunos envolvidos é quase 3 vezes o número de alunos do ano anterior(16,4 mil). A participação de escolas públicas cresceu 264%, saindo de 11 projetos inscritos para 40 este ano.

O vencedor da categoria Infantil foi a Garatuja Educação Infantil com o projeto “Todo Mundo Muda o Mundo”. “Há 18 anos entendemos que era um dever da escola falar em sustentabilidade e por isso eu agradeço, de coração, às empresas que atuaram nesse processo, àsinciativas cada vezmaiores nesse tema e às pessoas cada vez mais engajadas”, pontuou Ana Célia Mustafá, diretora da escola. Para José David de Sousa, diretor da escola EMEB Professora Annita Magrini Guedes, vencedora na categoria Fundamental I com o projeto “Em busca de uma escola sustentável”, a principal pergunta para educadores é: que escola pública queremos para o futuro? “Na nossa escola não aceitamos professores, colaboradores, pais e alunos mais ou menos, a mudança é hoje. O que fazemos em nossa escola, desde 2013, quando começamos com uma horta, foi aprender juntos e, nessa jornada, começamos a entender o que é protagonismo. Tudo o que lembramos de nossas escolas foi aquilo que fizemos e não o que nos contaram. E é isso que nossa escola se propõe a fazer”. O vencedor da categoria Fundamental II foi o “Projeto Integrador – Ações Sustentáveis Locais em prol do Rio Cotia”, do Instituto Sidarta, que habilita alunos a recuperarem a mata por meio de plantios, a produzirem alimentos orgânicos na horta e a reaproveitarem água com a construção de cisternas.  O penúltimo prêmio entregue foi para o Ensino Médio. O vencedor foi o projeto “Moradia e Comunidade”, do Colégio Santa Cruz, que amplia a consciência dos alunos para a cidade e as questões de moradia através do estudo, vivência e ações realizadas em 11 etapas.  Por fim, o último premiado da noite foi da categoria EJA (Educação de Jovens e Adultos) e o vencedor foi o projeto “Que as chuvas sejam sempre bem-vindas”, da ETEC de Heliópolis, que confeccionou um sistema de captação de água da chuva e reuso, buscando a solução para o problema de alagamentos.

 

Para Mônica Borba “foi uma honra conhecer melhor cada um dos projetos inscritos e perceber que os ODS estão sendo trabalhados de forma integrada e consistente dentro das escolas, estimulando mudanças importantes de hábitos e contribuindo para uma melhora na qualidade de vida nesses espaços educadores”.




Rua Catão, 1173 – Lapa – São Paulo/SP | CEP:05049-000

55 11 3871-1944

comunicacao@5elementos.org.br

Copyright © 2019 5 Elementos - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio