Lançamento de Manual de Mediação de Conflitos reforça cultura da paz em São Paulo

“Mesmo numa situação de conflito, os próprios envolvidos procuram estabelecer a paz entre eles, e o papel do mediador é simplesmente o de pontuar os aspectos positivos que as pessoas podem não estar vendo”. Esta é a afirmação da guarda civil metropolitana Talita Silvério, que atua nas Casas de Mediação da Cidade de São Paulo, e esteve presente no lançamento do “Manual de Mediação de Conflitos Socioambientais”, no último dia 31 de maio no Parque do Ibirapuera.

Edsom Ortega, secretário municipal de Segurança Urbana de São Paulo, fala durante o lançamento do Manual de Mediação de Conflitos, ocorrido em 31 de Maio.

O Manual é parte de uma ampla iniciativa da Prefeitura de São Paulo, por meio da Universidade Aberta do Meio Ambiente e da Cultura da Paz – UMAPAZ, voltada a formação de guardas civis metropolitanos, conselheiros de meio ambiente de subprefeituras, educadores e profissionais de várias áreas do conhecimento. A parceria com o Instituto 5 Elementos vem possibilitando a realização de cursos de Mediação de Conflitos, desde março de 2012, já tendo formado 116 participantes para atuação nas Casas de Mediação, uma importante política pública da Prefeitura. Outros quatro cursos serão ministrados entre junho e setembro, e as inscrições acontecem pelo site da UMAPAZ: http://www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/meio_ambiente/umapaz/

Cerca de 50 pessoas participaram do lançamento do Manual, que contou com as presenças de Leda Ascherman, secretária-adjunta da Secretaria Municipal do Verde e do Meio Ambiente de São Paulo, Edsom Ortega, secretario municipal de Segurança Urbana de São Paulo, Rose Inojosa, diretora da UMAPAZ, Glacilda Pedroso, coordenadora do curso pela UMAPAZ, Gina Rizpah Besen, coordenadora de programas do Instituto 5 Elementos e organizadora da publicação e da autora Sandra Inês Baraglio, além de vários participantes do curso atual e de turmas anteriores.

Rizpah reforçou o quanto a publicação parte do princípio de que todos possuem potencial para se tornarem mediadores, mas que é preciso aprender a técnica para mediar, e apresentou os sete importantes passos para a realização da mediação contidos no Manual.

Segundo Sandra Inês Baraglio, que também é a professora dos cursos, “a convivência entre os 11 milhões de habitantes da cidade de São Paulo tem sido cada vez mais complexa, e o curso e o manual permitirão justamente a reflexão sobre essa complexidade, conhecendo-se as expectativas diversas que podem ser transformadas para o bem comum”.

O secretário municipal de Segurança Urbana, Edsom Ortega, ressaltou a importância da cultura da paz no ideal de resolver pacificamente os conflitos socioambientais da cidade, os quais são decorrentes da diversidade de visões. A mediação torna-se a estratégia fundamental desse sentido.

Leda Ascherman, representando o secretário Eduardo Jorge Alves Sobrinho relatou o processo de criação da UMAPAZ e sua crescente importância na difusão da cultura de paz em São Paulo, destacando a importância da parceria com a Secretaria de Segurança Urbana nos cursos e nas Casas de Mediação.




Rua Catão, 1173 – Lapa – São Paulo/SP | CEP:05049-000

55 11 3871-1944

comunicacao@5elementos.org.br

Copyright © 2019 5 Elementos - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio