Colaboradores do HSBC plantam 570 árvores nativas e valorizam união entre água e floresta

Em junho de 2012, o HSBC lançou o Programa HSBC pela Água, com duração de 5 anos e investimento de 100 milhões de dólares, visando movimentar a sociedade para sua relação com a água e melhorar a gestão de bacias hidrográficas importantes. Como parte desse programa, o banco convidou seus colaboradores para uma ação batizada de “Mobilize-se pela Água”, no último dia 23 de março.

Mais de 600 colaboradores aproveitaram o Dia Mundial da Água – comemorado em 22 de março – para plantar centenas de árvores nativas em paisagens tão variadas quanto as veredas do Cerrado, as Matas de Araucária do Paraná ou os banhados dos Campos Sulinos. “Essa atitude voluntária vai além da colaboração com a instituição, representa colaborar com a vida e as futuras gerações que virão”, destacou Paulo Renato Steiner, Head of Business Efficiency do HSBC Bank Brasil.

A ação “Mobilize-se pela Água” ocorreu em Campo Grande (MS), Caucaia do Alto (SP), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Goiânia (GO) e Porto Alegre (RS), sendo esta ação organizada por uma equipe de seis coordenadores e 29 monitores liderados pelo Instituto 5 Elementos – Educação para a Sustentabilidade. “O plantio permitiu recuperar áreas de mata ciliar, protegendo importantes fontes de água, mas também trouxe a experiência de aproximação com a natureza, o exercício de hábitos sustentáveis e valores de cuidado e cooperação”, disse Mônica Pilz Borba, gestora do Instituto.

No total, 570 mudas foram plantadas em Áreas de Preservação Permanente (APPs) com o objetivo final de valorizar a relação entre água e floresta na Mata Atlântica, Cerrado e Campos Sulinos. A preservação desses ecossistemas influencia na qualidade da água, evita enchentes, erosão, entre outros impactos diretamente ligados à qualidade de vida nas cidades. Daí a importância de ações permanentes, como a do Clube de Campo de Florianópolis, que já se prepara para novos plantios no mês de abril, e onde os Climate Champions (lideranças do HSBC comprometidas com iniciativas para a sustentabilidade) sugeriram a “adoção” de escolas vizinhas às agências bancárias para introdução de pomares.

“Também notamos o potencial de parcerias com ONGs locais como o Instituto Çarakura, que forneceu as mudas, insumos e alimentação saudável, e levou conhecimento sobre a bacia hidrográfica local, ameaçada especialmente pelo turismo desordenado. Já o parceiro Meu Copo Eco levou 100 copos estilizados para os participantes não gerarem resíduos com descartáveis”, conta Leila Maria Vendrametto, coordenadora de projetos do Instituto 5 Elementos em Florianópolis.

Já em Porto Alegre, a parceria com a Cooperativa de Produtos Orgânicos Pão Terra, de um assentamento próximo ao clube, enriqueceu o lanche com pães e frutas da região, enquanto os colaboradores plantaram mudas de ingá, araçá amarelo, pitanga ou ipê roxo numa importante região vizinha ao lago Guaíba. “A interação entre as pessoas ocasionou uma grande motivação na hora do plantio, numa área que trará proteção ao clube, embelezamento e mais conforto térmico, além de atrair insetos e pássaros que auxiliam na formação do ecossistema”, revelou Estela Cunha, técnica do Instituto 5 Elementos em Porto Alegre.

A construção conjunta de conhecimentos ao longo da ação foi reforçada pelos participantes, que viram na ação de plantio um estimulo para praticar o cuidado no dia a dia. “Acredito no engajamento individual, começamos dentro de casa para depois atingir a comunidade, e a ideia de nos mobilizarmos para plantar árvores é a de fazer algo pela qualidade de vida em nosso cotidiano”, disse Vera Hiraiwa, Climate Champion do HSBC em Curitiba.

Educação para a sustentabilidade

A parceria entre o HSBC Bank Brasil e o Instituto 5 Elementos vem se consolidando em diferentes frentes voltadas à educação para a sustentabilidade, seja no Centro de Educação Ambiental (CEA-HSBC) de Caucaia do Alto, com diferentes tecnologias sustentáveis, seja em publicações como a Cartilha de Ecoeficência, para novas práticas ao longo da cadeia produtiva. “Buscamos valorizar a importância de recursos naturais com a floresta e a água, pois eles estão ligados à própria dignidade do ser humano”, disse Claudia Malschitzky, superintendente executiva de Sustentabilidade do HSBC e diretora executiva do Instituto HSBC Solidariedade.

Segundo Mônica Borba, fundadora e gestora do Instituto 5 Elementos, a prática do plantio ensina a cuidar e os que participaram da ação devem reverberar o aprendizado no dia a dia. “É um ato especial, estamos ampliando a biodiversidade, e se pensarmos no que impactamos o meio ambiente e no atual nível de consumo, seria necessário que cada cidadão plantasse pelo menos 40 árvores por ano”.

Em Curitiba, o plantio de mudas como araçá, aroeira ou araticum enriqueceu o entorno do lago com pouca diversidade de espécies, servindo de inspiração para os monitores aprofundarem a relação entre árvores e água. “A mata ciliar funciona como cílios, protegendo áreas úmidas”, disse André Pesserl, monitor e estudante de engenharia florestal, para quem o plantio é o ponto de partida para aumentar a consciência das pessoas para o valor da natureza.

Já em Goiânia, a previsão do plantio de mudas do Cerrado foi substituída pela dinâmica de debate sobre temas ambientais da atualidade, em pequenos grupos, já que o excesso de chuva não permitiu a ação de campo. O local já possui uma mata nativa preservada, mas sofre com a falta de acesso à água e segundo o Climate Champion Henrique Cruz há intenção em se criar ali um pomar com frutíferas nativas da região.

Esse tipo de iniciativa para valorização da área também se mostrou relevante em Campo Grande, onde os Climate Champions perceberam a importância de uma futura parceria com lideranças comunitárias do entorno para reduzir o impacto dos resíduos descartados no rio local. “E uma das nascentes localizada dentro do clube, abastece o córrego local, que desempenha importante papel na preservação das matas do entorno”, destacou Gabriela Ribeiro Arakaki, coordenadora do Instituto na ação de Campo Grande.




Rua Catão, 1173 – Lapa – São Paulo/SP | CEP:05049-000

55 11 3871-1944

comunicacao@5elementos.org.br

Copyright © 2019 5 Elementos - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio