5 ELEMENTOS INICIA PROJETO COM MULHERES NA AMAZÔNIA EM PARCERIA COM A CASA DO RIO

Valorizar os saberes que a mulheres de Careiro têm sobre as ervas da Amazônia, aprimorando seus conhecimentos e cuidados com a saúde e a beleza delas e das comunidades locais é o objetivo do projeto apoiado pelo Grupo de Trabalho da Sociedade Civil para a Agenda 2030, União Europeia e Associação BEM TE VI Diversidade, que ocorrerá de fevereiro a junho de 2020.

A ideia surgiu das demandas de ações comunitárias desenvolvidas pela ONG Casa do Rio no município de Careiro, localizado na Região Metropolitana de Manaus/AM, ao lado do trecho Norte da Rodovia BR-319 que se tornou uma das regiões da Amazônia mais ameaçadas pelo aumento da degradação ambiental, da ocupação desordenada e de graves problemas sociais.

A partir dessa realidade local as equipes da Casa do Rio e do Instituto 5 Elementos uniram seus esforços e propósitos e elaboraram o projeto “Agenda 2030 de Saúde e Saberes das Mulheres de Careiro/AM”, trazendo a expertise de experiências de 28 anos do Instituto 5 Elementos na realização de cursos de formação, com foco na transformação e ampliação da consciência socioambiental, em sintonia com os princípios da educação para a sustentabilidade.

O namoro entre o 5 Elementos e a Casa do Rio começou em março de 2019, quando Mônica Pilz Borba, associada fundadora, realizou uma consultoria junto ao projeto da Escola Itinerante de Agroecologia da Casa do Rio, onde foi construído participativamente o projeto político pedagógico da escola. A partir dessa aproximação foram criados vínculos de confiança e interesse em trabalhar juntos trocando experiências, saberes, metodologias e práticas de ambas as instituições, na busca da construção de uma sociedade sustentável, justa e democrática.

O projeto será realizado por meio de nove dias de encontros com 20 mulheres nos meses de março, abril e maio para troca de saberes sobre as ervas da Amazônia, além de abordar temas como os direitos das mulheres, economia solidária e educação sexual, estando em consonância com quatro Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, sendo eles: ODS 3 – Saúde e bem estar; ODS 4 – Educação de qualidade; ODS 5 – Igualdade de gênero; e ODS 15 – Vida terrestre.

A seleção das 20 mulheres está sendo realizada pela equipe da Casa do Rio em fevereiro, privilegiando mulheres negras, quilombolas e indígenas, distribuídas pelos distritos do município, sendo 33% jovens e 33% mulheres adultas, e 33% idosas, além da criação da logo e diversas ações locais para efetivar os encontros.

Nos encontros todas serão convidadas a levar mudas de ervas e plantas medicinais locais para a troca de conhecimentos resgatando e valorizando o oficio das curandeiras da região amazônica, empoderando-as para aprimorar a diversificação da manufatura artesanal de seus produtos para a saúde, bem-estar e beleza para uso pessoal, familiar e junto à comunidade onde atuam, estimulando a sua comercialização local por meio da economia solidária.

Nessa formação também serão realizadas dinâmicas, rodas de conversas e apresentação de filmes e documentários para abordar seus direitos, princípios da economia solidária e educação sexual, além da montagem de três hortas de ervas medicinais em diferentes comunidades e um laboratório na cozinha da Casa do Rio, para que continuem se encontrando e produzindo sabonetes, pomadas, unguentos, xaropes, óleos de cura, repelentes, enfim, produtos úteis à realidade da comunidade local.

Para divulgar o processo, bem como os resultados dos encontros, serão realizados programas na Rádio Floresta da Casa do Rio com a participação das alunas e das facilitadoras do Instituto 5 Elementos: Mônica Pilz Borba – pedagoga especialista em Educação Ambiental e Marta Schutzer Magalhães – fisioterapeuta especialista em medicina Ayurvedica e Fitoterapia.

Como fruto dessa experiência será criada uma publicação impressa contando a história dessa formação, a identidade das participantes, bem como dos aprendizados e receitas dos produtos elaborados, visando prestigiar as mulheres e jovens, tornando-as referência local para difusão desses conhecimentos em suas comunidades, que será lançada em julho de 2020.

Informações do projeto:

  • Datas previstas dos 9 encontros: março: 17, 18 e 19, abril: 13, 14 e 15, maio: 4, 5 e 6 de 2020 em Careiro/AM, sempre das 8h às 17h.
  • Local: Associação Pio Lanteri situado na av. Adailde Sá s/n, centro Careiro/AM.
  • Para mais informações entrar em contato com Mônica Pilz Borba, coordenadora geral desse projeto pelo e-mail monicab@5elementos.org.br ou pelo Whatsapp 11-992976321.



Rua Catão, 1173 – Lapa – São Paulo/SP | CEP:05049-000

55 11 3871-1944

comunicacao@5elementos.org.br

Copyright © 2019 5 Elementos - Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: PWI WebStudio